O Centro de Educação Ambiental do Parque Villa Lobos, em São Paulo

0 comentários

O trânsito, a falta de respeito, a poluição e o barulho me irritam bastante em São Paulo. Mas que bom que existem coisas compensatórias por aqui... uma descoberta recente é o espaço do CEA Villa-Lobos, um centro de educação ambiental que funciona no Parque Villa-Lobos, no Alto de Pinheiros. Não foi ainda? Então vá!

O centro é mantido pela ong 5 Elementos, com patrocínio do Instituto Unibanco
e parceria com a Secretaria do Estado do Meio Ambiente. E o espaço, muito procurado por escolas, é aberto ao grande público. Dá gosto em ver o quanto o local é bem cuidado e convidativo, com direito a canteiro de ervas e hortaliças, várias espécies de árvores identificadas, uma pequena trilha em um bosque e uma biblioteca com 2,5 mil títulos de educação ambiental. Há uma programação cultural regular, com cursos e oficinas, e espaço para o trabalho voluntário. Imagine você, ao lado da tumultuada Marginal Pinheiros, mexendo sossegadamente no canteiro de ervas...

Mas a vocação do CEA, mesmo, é a de atender escolas. Foram mais de 5000 alunos no ano passado, a maioria da zona Oeste paulistana. A equipe de monitores do local faz agendamentos prévios e dialoga com a escola antes da visita, para saber o que os professores estão desenvolvendo sobre educação ambiental na sala de aula e que objetivos pretendem atingir com a visita. Os temas mais procurados: consumo sustentável e reciclagem.

No Parque, a garotada tem uma programação de três horas que inclui a trilha no bosque, parada para o lanche e dinâmicas ao ar livre, a maioria inspiradas no educador Joseph Cornell. E embora recebam muitas informações sobre o tema que a professora propôs antes da visita, o conteúdo é amplo e inclui a curiosa história do Parque – que não abriga uma área verde original, mas construída em 1987 sobre um aterro. “Trabalhamos o fato de que o homem modifica o meio, mas que é possível modificar também de forma positiva, como aconteceu com o parque”, lembra a bióloga Rúbia Silva, coordenadora de comunicação do CEA.

Brincadeiras e diálogos com os monitores são essenciais para que os visitantes das escolas associem o conhecimento que tiveram em sala de aula, sobre água, energia e outros temas ambientais, ao dia-a-dia de suas vidas – afinal, nem sempre o conhecimento escolar se conecta com a vida cotidiana... até a parada para o lanche é um momento educativo: a garotada é orientada a não trazer refrigerantes e salgadinhos industrializados, e ouvem atentamente os monitores conversando sobre como é importante para si mesmo e para o meio ambiente manter o corpo saudável.

Aos mais céticos que enxergam tudo isso como uma “iniciativa linda e maravilhosa, mas que não muda nada”, o aviso de Rúbia: “nosso trabalho no CEA é um reforço na educação ambiental que é para ser desenvolvida na escola. E o objetivo lá na frente é mostrar à criança que ela tem o poder da escolha – escolher o que é melhor para ele, e para o ambiente a sua volta”, diz.

Ou seja: é papel de nós, educadores, oferecer a informação e ajudar a construir um pensamento reflexivo, construindo um novo olhar sobre o mundo que a nova geração pode ou não aceitar. Mas acredite: muitos aceitam, e é nisso que o trabalho do CEA, da 5 Elementos e outras instituições e pessoas buscam incentivo.

Parabéns ao pessoal do CEA Villa-Lobos, por essa surpreendente estrutura física e humana. A quem mora ou não em São Paulo, fica o convite: descubra esse lugar e surpreenda-se também!

Serviço
O CEA fica no Parque Villa-Lobos
– avenida Prof. Fonseca Rodrigues, 2.001, Pinheiros, tel. 3021-6841. Informações pelo e-mail ceavillalobos@5elementos.org.br. O horário de funcionamento é a partir das 8h30, e segue até às 17h. Escolas devem agendar visitas pelo e-mail agendacea@5elementos.org.br. Oficinas e palestras são gratuitas; confira a programação no site da 5 Elementos

0 comentários:

 

©Copyright 2011 Educom Verde | TNB