Encontro de educomunicação em março, em Salvador

0 comentários
Salvador (BA) irá sediar, entre os dias 28 e 29 de março, o Encontro Paralelo de Educomunicação, dentro da programação do VII Fórum de Educação Brasileiro de Educação Ambiental. A realização é da Rede Baiana de Educação Ambiental (REABA) e da Rede Brasileira de Educação Ambiental (REBEA), espaços coletivos de atuação dos educadores ambientais, respectivamente, baianos e brasileiros.

No evento, que ocorre entre 28 e 31 de março, a interface entre comunicação e educação ganha destaque: além do encontro, com a participação de presquisadores e profissionais da área como o professor Ismar de Oliveira Soares (coordenador da licenciatura de educomunicação da Universidade de São Paulo-USP), haverá uma cobertura educomunicativa do fórum, com alunos e professores da rede pública.

A interface entre comunicação e educação recebe o nome de educomunicação, como campo de estudos e de práticas onde a comunicação é trabalhada de forma a dar voz e permitir a reflexão crítica sobre o mundo. No caso da educação ambiental, a educomunicação já foi tema de política pública no Ministério do Meio Ambiente e atividades de consultoria como a realizada na Resex Corumbau e Parque Nacional do Descobrimento, no Extremo Sul da Bahia (confira texto publicado sobre o tema clicando aqui).

O encontro de educomunicação será iniciado com quatro palestrantes. Além do professor Ismar de Oliveira Soares, haverá a participação de Grácia Lopes (do projeto Cala Boca-Já Morreu), Lara Moutinho (responsável pelo projeto Nas Ondas do Ambiente, que desenvolve ações de educomunicação no Rio de Janeiro) e Silvio Marchini, biólogo e coordenador da Escola da Amazônia, que estuda a interface entre comunicação e educação na mobilização de pessoas em causas ambientais.

A partir desses palestrantes que vão em falar em quatro eixos para apresentar o tema (educomunicação na academia, na política, na gestão de projetos e no direito a informação e diálogo), o microfone será aberto para a troca de experiências do público que trabalha com o tema da educomunicação. A idéia é, a partir das falas colhidas, trazer respostas para as questões levantadas pelo fórum: quais os desafios enfrentados pela educação ambiental neste tema? Como é sua interface  como avançar, em consonância com a Política Nacional de Educação Ambiental?

É forte a perspectiva de sair do fórum de EA com o compromisso de um futuro evento específico de educomunicação socioambiental. Vai depender da vontade dos participantes, em continuarem estudando, refletindo e debatendo sobre o tema em outros momentos. Nos vemos por lá!

Como participar?
Escolas - Professores e alunos que estiverem interessados em participar da cobertura educomunicativa do evento, especialmente os que estiverem na Bahia (pela facilidade de locomoção), favor entrar em contato com Débora pelo e-mail debieco@uol.com.br. No dia 3 de março o Núcleo de Estudos e Pesquisa em Educação Ambiental da Universidade Federal da Bahia (NEPEA-UFBA) estará realizando um encontro da Rede Baiana de Educação Ambiental (REABA, promotora do fórum em Salvador), onde vamos conversar sobre educomunicação e contar o que faremos no evento. Estamos programando também, um encontro a parte com alunos e professores, que vai depender da demanda dos mesmos, para a organização da cobertura.

Projetos de comunicação comunitária - O convite acima se estende a vocês. Queremos, inclusive, que participem do encontro de educomunicação fazendo intervenções educomunicativas durante o mesmo. Entrem em contato pelo e-mail acima.


Abraço a todos, nos vemos no VII Fórum de EA!

Acesse o roteiro de planejamento inicial do encontro no site do VII Fórum. Ainda está aberto a sugestões, participe.

0 comentários:

 

©Copyright 2011 Educom Verde | TNB